quinta-feira, julho 23, 2009

Sobre a frase Randômica de Nilton Rodolfo


Ontem o Twitter da GQL foi atualizado com a seguinte frase:

"Cuidado! às vezes(quase sempre) ouço mais o nome de J.C.( João Calvino) do que do próprio Jesus Cristo."

A frase proferida por Nilton Rodolfo, não possui como objetivo depreciar o calvinismo (sendo que ele mesmo, no post subseqüente, afirma ser calvinista). tal frase é um prelúdio de uma série artigos que serão postados em mui breve neste espaço, todavia Nilton ainda está com três artigos sendo engatilhados, tendo um a ser publicado esta semana. Após a publicação destes artigos ou então com a permissão dele, a série começará.

Os artigos terão como propósito analisar e refletir sobre um dos pontos mais complicados no exercício da Teologia Evangélica: A questão do Calvinismo e seu embate com a Teologia Arminiana.

Ambos os sistemas teológicos serão analisados à Luz das Sagradas Escrituras. creio eu que o resultado será muito proveitoso. Espero ser justo com os ambos os pensamentos. Além de uma reflexão, se buscará, como estes artigos estimular praticidade na vida cristã genuína. Creio que o resultado será muito proveitoso, talvez não agrade a todos, quer calvinistas ou arminianos(por certo muito mais os segundos do que os primeiros),mas pela graça de Deus, será útil a uma legítima reflexão teológica e piedosa.


Peço a oração dos leitores e amigos do blog.


Soli Deo Gloria.


9 comentários:

Pr. Carlos Roberto disse...

Caro Vitor Leonardo,
A Paz do Senhor!

Boas notícias!
Estamos no aguardo de tais artigos!

PS. Tenho sentido sua ausência lá no POINT RHEMA. Saiba que vc.é blogueiro associado! rsrsrs

Um grande abraço!
Seu conservo em Cristo,
Pr. Carlos Roberto

Maxmiler Freitas disse...

Que Deus lhe ajude a escrever tais artigos.

Tomara que seja uma série imparcial, sem "puxar" para nenhum lado, mas sim esclarecedora e educativa. Precisamos disto!

Deus abençoe!

Estou seguindo seu blog.

se puder, visite: http://milerfreitas.blogspot.com

Ednaldo disse...

Paz Victor,

Vi seu comentário no divinitatis e dei um pulinho aqui para ver como andam as coisas. Estou ansioso pelos artigos, quem sabe não aprendo mais um pouco, pois já aprendi muito com os teus artigos. E conte com meus comentários e orações.

EM Cristo,

Ednaldo.

P.S. Concordo com o que o Rodolfo disse, com o crescimento do interesse pela teologia reformada, muitos tem se "convertido" ao calvinismo, mas sem o devido apoio pastoral, e algumas vezes artigos calvinista são um tanto secos, gerando mais seguidores de Calvino que seguidores de Cristo, e vamos ser realistas, grande parte desses novos calvinistas não leram as obras de Calvino, se as lessem tomariam o maior susto, pois nem mesmo Calvino é tão calvinista como alguns que estão aí.

Victor Leonardo Barbosa disse...

Olá pastor Carlos, a Paz do Senhor!

Obrigado pelo apoio e considerações, já dei uma passadinha lá no Point Rhema, desculpe pela ausência.


Olá Maxmiler! Obrigado pelo apoio e visita neste espaço, que por sinal, é a primeira não?

Buscarei ser bíblico e honesto, ambos os sistemas passarão pelo crivo da Palavra de Deus. Mas, sinceramente, creio que as críticas virão de ambos lados, rsrsrs.

Victor Leonardo Barbosa disse...

Olá grande ED!

Obrigado pelo apoio e considerações, espero ser instrumento de bençãos e edificação para todos os quanto lerem estes futuros artigos.

Pastor Geremias Couto disse...

Vamos aguardar esta série de artigos. Tenho estudado bastante este assunto ultimamente e estou certo que os textos aqui publicados me serão de grande valia.

AO mesmo tempo, parabéns ao Rodolfo por assumir sua posição "calvinista". Não há nenhum pecado nisso. São correntes que não interferem nos fundamentos.

No meu caso, diria que sou "quase" um calvinista e bem menos "arminianista". Uso esses termos apenas no seu sentido estrito, das linhas teológicas que representam, pois de ambos procuro extrair aquilo que, a meu ver, representa a verdade da Palavra de Deus.

Estou na expectativa.

Abraços

Victor Leonardo Barbosa disse...

Olá pastor Carlos, a Paz do Senhor!

Ore por mim, pois as coisas estão muitos difíceis, as lutas espirituais estão fortes.

Não deixe que eu desfaleça, pois estou quase acamado.

Nilton Rodolfo disse...

Bem, primeiramente gostaria de dizer que é um prazer ver que o Victor irá falar sobre este tema interessantíssimo. Saibam que a frase Randômica foi fruto de conversas entre eu e Victor. Confesso que não sei muito sobre Calvinismo ou Arminianismo.Mas o pouco que sei, me faz achar que sou "um pouco calvinista". Que Deus nos abençoe. Orem por nós.Abraço e a paz do Senhor a todos!

Ednaldo disse...

Paz Victor,

Conte com minhas orações a seu favor, só espero que o motivo dessa quase "cama" não sejam os acontecimentos pré-eleição.

Pois se forem não é só por você que temos que orar.

No mais continuo ansioso pelos artigos, pois como você sabe sou TOTALMENTE calvinista, e não tenho problema com o rótulo, mesmo quando me chamam de "seguidor de Calvino", não ligo, pois muitos dos que dizem isso sequer sabem porque o calvinismo se chama calvinismo.

Fico feliz com a postura do Pr. Geremias do Couto, li comentários dele no Tempora-Mores, e vi um grande equilibrio nas suas afirmações acerca da soberania de Deus e a responsabilidade do homem, principalmente por apresentá-las conforme a Teologia Reformada clássica, que não nega nem uma nem outra.

Em Cristo,

Ednaldo.