segunda-feira, janeiro 17, 2011

Olhe para o Salvador! Creia em Jesus!

"Então, o senhor mandou entre o povo serpentes, que morderam o povo; e morreu muito povo de Israel." (Números 21.6)


"Um israelita corre em direção aos seus familiares. A agonia é grande, pois a cada passo dado ele observa um cadáver estirado no chão- o mais angustiante, é que a face dos mortos é conhecida, eram seus amigos que estavam lá. E com lágrimas nos olhos, ele continua a correr. Graças a Deus, ele consegue encontrar sua mãe ainda viva e lhe diz: 'Mãe! Ainda há esperança!' E a velha mulher, sem a menor esperança de continuar viva, responde àquele que ela gerou: 'De que, meu filho? Todos nós fomos mordidos.'

"O menino, ainda esperançoso, exclama: 'Deus ouviu a oração de Moisés! Ele lhe ordenou que fizesse uma serpente ardente e que a levantasse sobre uma haste, para que viva todo o mordido que olhar para ela'. E consumido pela ideia de que Deus havia enviado a salvação para o seu povo, ele continua a contar sobre o plano de tal salvação para aqueles que tinha oportunidade de falar.

"O tempo vai passando- o rapaz continua a lembrar do que Deus disse. O tempo vai passando- o pequeno judeu se acalma pensando na serpente de bronze. O tempo vai passando- e o israelita pensa: 'Eu já sei que Deus enviou a salvação. Basta eu olhar para a serpente de metal que serei salvo'. E dessa maneira ele passa um bom tempo se alegrando no plano que Deus determinou para salvar o povo.

"O tempo continuou passando, e o veneno da serpente ardente que havia lhe mordido já estava quase o matando por completo. Entretanto, o menino olhava para a marca da mordida em seu corpo e sorria ao lembrar: 'Não há nada a temer. Deus é misericordioso; e eu sei que só basta olhar para a serpente de bronze. O único caminho de salvação que Deus enviou é plenamente suficiente.'

"O tempo passou. E repentinamente, o garoto cai morto no chão... Não há mais salvação." [1]

Nos versículos de quatro a nove do capítulo vinte e um do livro de Números encontra-se uma das mais notáveis tipificações de Cristo no Antigo Testamento- e acrescentaria: um perfeito retrato do que é a salvação. Vejamos:
O povo havia pecado contra Deus em ter falado contra Ele e Seu servo Moisés (4, 5), e, por isso, o Senhor manifesta a Sua santa e justa ira ao enviar serpentes ardentes para matar o povo (6).

E isso é muito interessante, pois geralmente as pessoas veem a Deus como incapaz de condenar ou punir os pecadores. A famosa frase "Deus odeia o pecado, mas ama o pecador" é enganosa; simplesmente porque não há como separar o "pecador" do "pecado". Ou seja, o pecado é somente uma expressão daquilo que o pecador é- nós pecamos porque somos pecadores. "Eis que em iniquidade fui formado, e em pecado me concebeu minha mãe"[2], diz o salmista Davi; "como está escrito: Não há um justo, nem um sequer. Não há ninguém que entenda; não há ninguém que busque a Deus. Todos se extraviaram e juntamente se fizeram inúteis. Não há quem faça o bem, não há nem um só."[3], diz Paulo citando as palavras deste salmista.

A verdade é que por Deus ser eternamente amoroso- o amor é a essência de Deus (todos os seus atributos manifestam o Seu amor, por isso que Deus é amor), Ele tem de amar tudo o que é puro. E como Ele é totalmente e perfeitamente puro, é esse amor a Si mesmo, à Sua santidade que se volta contra toda a iniquidade. (Para entender melhor essa questão, eis alguns exemplos: o amor a Deus gera ódio ao pecado, o amor a crianças gera ódio ao aborto e o amor à verdade gera ódio à mentira) Ou seja, Deus odeia toda e qualquer coisa que vá contra a Sua santidade.

Então, se os pecadores tem alguém contra eles, esse alguém é o próprio Deus. Como diz o salmista: "Deus é um juiz justo, um Deus que se ira todos os dias. Se o homem se não converter, Deus afiará a sua espada; já tem armado o seu arco e está aparelhado; e já para ele preparou armas mortais; e porá em ação as suas setas inflamadas contra os perseguidores."[4]

Entretanto, após inúmeras pessoas terem sido mortas, o povo pede para que Moisés ore pedindo a Deus que tire as serpentes de sobre eles. E Moisés ora (7).

Mas Deus não realiza o que o povo havia pedido. pois, ao invés de eliminar as serpentes ardentes, o justo Senhor ordena que Moisés faça outra serpente ardente e a ponha numa haste, para que todo o mordido que olhar para ela viva (8). E por que Deus não eliminou as serpentes de uma vez para que assim salvasse o povo? É simples: a justiça de Deus tem de ser cumprida. Ele tem de punir os pecadores! Se não, o perdão dado a pecadores seria um ato injusto de Deus e isso mancharia a Sua eterna justiça[5] e santidade.

Eis aqui o Evangelho! Deus mandou o Seu servo fazer a serpente de metal para mostrar que a Sua ira seria executada. A simbologia é que todo o veneno das serpentes ardentes que assolavam o povo estava sendo aplicado na serpente de bronze. Ou seja, a condenação que estava sendo manifestada através das serpentes, agora será manifesta de uma vez na serpente de metal. Deus estava anunciando que para que houvesse salvação, Ele enviaria alguém para ser punido no lugar dos pecadores. Ele demonstra o Seu amor para conosco através da Sua ira que foi destinada a Cristo Jesus- o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo[6]. E por causa do sacrifício de Cristo, Deus agora é justo em perdoar pecadores[7]!

"E, como Moisés levantou a serpente no deserto, assim importa que o Filho do homem seja levantado, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna."[8]

"Deus é o maior inimigo dos pecadores. Somente por meio de Cristo, Ele os torna seus amigos."[9]

"E Moisés fez uma serpente de metal e pô-la sobre uma haste; e era que, mordendo alguma serpente a alguém, olhava para a serpente de metal e ficava vivo. (9)" Este é o ponto mais importante. Não adiantava simplesmente conhecer o plano da salvação. O plano não salva ninguém! Aquele que só ficou meditando no fato da serpente de bronze ser levantada, morreu da mesma forma que o garoto da história do início do texto- pois embora ele conhecesse perfeitamente o plano, ele nunca olhou para a serpente.

Oh, pecador! Também farás parte do grande mar de pessoas que Deus lançará ao inferno porque elas nunca confiaram de verdade no sacrifício de Jesus e creram nEle- mesmo elas sabendo que Ele podia redimi-las? Arrependa-se de seus pecados e creia em Jesus Cristo. Olhe para Ele com fé, e somente para Ele. Ele salva até o mais imundo dos pecadores. O sangue de Jesus é poderoso e suficiente para salvar.

Olhe para Ele e permaneça até o fim! Se você tentar olhar para Ele como se o salvador fosse uma vacina, e que depois você pode voltar a viver sem Ele; não se engane. Ou Ele é tudo em nossas vidas, ou Ele não é nada.
Que Deus nos perdoe.


Notas:

[1] Esta é uma ilustração que criei para ajudar o entendimento de que não basta saber o plano da salvação, é necessário crer de fato em Jesus.
[2] Sl 51.5
[3] Rm 3.10-12
[4] Sl 7.11-13
[5] Confronte com Sl 119.142
[6] Confronte com Jo 1.29
[7] Confronte com Rm 3.23-27
[8] Jo 3.14,15
[9] Frase citada no twitter da GQL

Um comentário:

Carlos Eduardo disse...

Parabéns por esse excelente post! Que Deus te conceda mais conhecimento a cada dia para glória de Deus!

Fique na Paz do Senhor.